Produtividade Antifrágil

PRODUTIVIDADE ANTIFRÁGIL – Como se reposicionar para o pós-crise. Qualquer crise. 

É muito difícil tomar decisões racionais em meio a crises, especialmente como a Pandemia que nos surpreendeu em 2020. É preciso tomar algumas atitudes para não só enfrentar o novo cenário, como transformar as crises em oportunidades.

A palestra Produtividade Antifrágil trata de como pensar no seu reposicionamento para quando chegar o tal “novo normal”. Eu não acredito em “novo normal”. Acredito numa transição para o normal possível e depois para o normal de antes da pandemia, com algumas atitudes incorporadas à nossa cultura.

A pergunta é: você, seus colegas e sua empresa estarão como? É possível estar melhor preparado do que antes da crise?

Produtividade Antifrágil não tem fórmulas mágicas que dizem que “se ele pode, você pode também”. Não, nem sempre podemos. Por isso é essencial desenvolver nossa capacidade de julgamento e tomada de decisão.

 

Tópicos:

O conceito de antifragilidade – aquilo que cresce no caos

O ciclo da destruição criativa – como o progresso precisa destruir o antigo

O que os clientes querem em tempos de normalidade/anormalidade

Como usar o medo a seu favor

Como enquadrar os problemas

Uma reflexão sobre valor

Reposicionando você e sua empresa.

 

Produtividade Antifrágil é essencial porque vem para provocar você a rever conceitos, mudar hábitos e se preparar para os ciclos de queda e crescimento. Provocativa, bem-humorada e repleta de conceitos e recados impactantes, essa palestra serve para quem quer sair da inércia causada pelo medo e apreensão e fazer a diferença antes, durante e depois da crise. Seja ela qual for.

Quanto você vale?

 

QUANTO VOCÊ VALE?

É nesse contexto que Luciano Pires trata de uma palavra que virou palavrão por conta da ideologização política que tomou conta da humanidade: meritocracia.

Meritocracia é um termo odiado por todos que também odeiam o capitalismo e que não entendem direito o que meritocracia verdadeiramente é. Acham que a meritocracia julga o valor dos seres humanos. Nada mais errado que isso. 

As pessoas ainda têm a mania de confundir as coisas, achando que trabalho duro com esforço é garantia para sucesso e riqueza. Não. Não é! Trabalho duro e digno não garante nada além de mais trabalho duro e digno.

Nesta divertida e surpreendente palestra, Luciano Pires fala das várias dimensões do conceito de VALOR, do valor intrínseco das coisas e de nossa capacidade de agregar valor e fazer com que as pessoas percebam isso. E deixa claro que meritocracia julga a capacidade das pessoas de criar valor para outras pessoas, não importa em que posição da pirâmide social a pessoa esteja.

Esta palestra fala de consciência de valor, de ação individual e da capacidade de fazer acontecer que todos têm. Mas só alguns utilizam.

Ideal para organizações que querem difundir entre seus colaboradores a noção de valor, o senso de propriedade, a iniciativa e acabativa, o senso de urgência e, no final das contas, a capacidade de fazer acontecer. AÇÃO!

Tudo bem se me convém

Reflexões sobre ÉTICA numa sociedade pouco ética.

  • O mundo em mudança
  • Progressos morais e contextos históricos
  • O imperativo categórico de Kant e as duas éticas de Max Weber
  • Sobrevivência e sucesso: tudo pode desde que feito com competência?
  • A consciência do certo e errado e a capacidade de agir a respeito

Num mundo onde a única certeza é a mudança, certos progressos morais fazem com que o que até ontem era condenável, agora deixe de ser. E vice-versa. Como tomar decisões num contexto desses?

Na palestra TUDO BEM SE ME CONVÉM , Luciano Pires discute ética, virtude e escolhas morais , com exemplos do dia a dia e uma visão irreverente e provocativa, inclusive de acontecimentos  recentes em vários segmentos da sociedade, que colocam em cheque nossa capacidade de realizar as melhores escolhas.

Diferente de palestras sobre moral e ética que são baseadas em filosofia e reflexões, Luciano Pires traz as argumentações para os processos do dia a dia, usando matérias jornalísticas, vídeos e exemplos que se aplicam direta e imediatamente ao nosso dia a dia.

Eduardo Carmello, CEO da Entheusiasmos Consultoria em Talentos Humanos, escreveu assim sobre esta palestra:

“A palestra sobre Ética do Luciano Pires é única, pois ele se diferencia pela sua capacidade de transmitir esclarecimento, inteligência e aplicabilidade. Contém Sabedoria Prática. Muito diferente da abordagem de outros que são mais teóricos e você não sabe como utilizar aquelas informações na sua vida pessoal e profissional.”

Muito bem humorada, repleta de conceitos e com boa dose de provocação, TUDO BEM SE ME CONVÉM traz uma abordagem objetiva e criativa sobre a importância de permanecer atento para as escolhas morais.

SustentHabilidade

O discurso é ótimo, mas temos a visão e a atitude necessárias para implementar o que dizemos que precisa ser feito?

  • Definição de sustentabilidade
  • As regras da natureza para a sustentabilidade
  • A questão da habilidade para a sustentabilidade
  • Os pilares do bom gerenciamento
  • Os estrategistas da lucratividade e os estrategistas da sustentabilidades
  • Sustentabilidade é equilíbrio

“Sustentabilidade é o desenvolvimento que atende as necessidades do presente sem comprometer a habilidade das futuras gerações de atender a suas próprias necessidades.”

A onda é “sustentabilidade”, depois de “qualidade total”, “foco no cliente”, “parceria”, “inovação”, “responsabilidade social” e etc. Fazemos discursos maravilhosos, especialmente quando envolvem valores morais, mas apenas somos capazes de adotar pequenas ações táticas focadas na eficiência e que tenham resultados mensuráveis no curto prazo. Coleta seletiva, uso de papel reciclado, economia de água, economia de energia… Essas, mais que boas, são necessárias e é ótimo que cada vez mais gente adote esses procedimentos, mas… Sustentabilidade é muito mais que pequenas ações táticas. Sustentabilidade não pode ser comprada. Não é um modismo. Não é “invenção dos caras do meio ambiente”. Sustentabilidade, assim como liberdade, não é uma “coisa”, é uma relação entre pessoas.

E a maioria das pessoas não está preparada para ela.

Nesta palestra Luciano Pires discute se estamos preparados para colocar em prática aquilo que dizemos que precisa ser feito. Questões como valores morais e a qualidade dos relacionamentos e conexões entre as pessoas são os temas-chave discutidos ao longo de 90 minutos que vão mexer com a cabeça de sua equipe.

Recomendação

Para abrir o horizonte das pessoas que acham que Sustentabilidade é apenas uma nova maneira de comportamento no dia a dia. Esta palestra coloca no colo de cada um a responsabilidade por uma atitude moral diante das questões sociais, econômicas, ambientais e culturais.

Excelente para estimular um pensamento crítico sobre comportamento e atitude no dia a dia.

Geração T

Como melhorar seu processo de julgamento e tomada de decisão. Esta palestra aborda:

  • O conflito entre as gerações
  • O homem vivendo em tribos
  • A importância das conexões e relacionamentos
  • Os bovinos resignados
  • A espiral do pensamento
  • Dicas para sair do óbvio

A palestra “Geração T” trata de gente que sabe tudo que acontece, mas é incapaz de compreender por que as coisas acontecem. Num mundo onde o acesso à informação está cada dia mais facilitado, a pergunta fundamental é: de que adianta ter acesso à informação se não temos repertório para dar um sentido à realidade? Como ser criativo e inovador numa sociedade onde as pessoas se acomodam, não têm opinião própria e se conformam com a mediocridade?

Sempre bem humorada, repleta de conceitos e com boa dose de provocação, GERAÇÃO T traz uma abordagem objetiva e criativa sobre a necessidade de refinar nossa capacidade de julgamento e tomada de decisão para ampliar o repertório e realizar as escolhas. Trata da capacidade de desenvolvimento do discernimento, a capacidade lógica de separar e identificar os elementos que compõe determinada questão, como esses elementos se relacionam entre si e como se afetam uns aos outros e como cada um deles impacta no conjunto.

Gente Nutritiva/Vendedor Nutritivo

Como se destacar de seus competidores no momento mais importante, a venda? Esta palestra aborda temas como:

  •  Definir “pessoa nutritiva”
  •  As pessoas se aglutinam em torno de que tipo de gente?
  •  Sobre sedução e personalidade
  •  Sua proposta de valor
  •  Dicas para quem quer ser nutritivo

Criada para PROVOCAR, esta palestra combina irreverência com filosofia ao discutir o que faz uma pessoa ser agradável, útil e atraente enquanto outras são inúteis, desagradáveis e repulsivas. Partindo da premissa de que as pessoas aglutinam-se em torno de gente divertida, informativa, confiável e articulada, a palestra discorre sobre nossa capacidade de escolha entre ser alguém normal e previsível ou um daqueles loucos que provocam mudanças e fazem acontecer.

Repleta de referências aos filósofos que trataram desse tema, a palestra mergulha em nosso dia a dia, evidenciando que está em nossa capacidade de autopercepção; de analisar os contextos, de manter uma atitude adequada e de exercer um julgamento consciente, a diferença entre ser alguém que agrega valor ou apenas mais um componente de um rebanho que se limita a imitar o que os outros fazem.

Recomendação:

Para quem sabe que a diferença não está mais no produto, no preço ou nos processos de fabricação, mas na forma como são feitas as interações com seus clientes.

Em sua versão VENDEDOR NUTRITIVO a palestra é focada na questão da construção de relacionamentos entre fornecedores e clientes, fugindo do lugar comum das palestras de vendas que pretendem ensinar técnicas de vendas. Em O VENDEDOR NUTRITIVO Luciano Pires fala daquilo que vem ANTES das técnicas de vendas. Técnicas podem ser aprendidas, habilidades podem ser desenvolvidas, mas as questões relacionadas à personalidade, caráter, valores e convicções são as que não podem ser ”compradas” ou aprendidas num curso de vendas. Repertório, reflexões, análises, julgamento e escolhas são os pontos fundamentais dessa palestra.

Brasileiros Pocotó

Nunca fomos tão influenciados pela mídia, cuja força molda o comportamento dos brasileiros. Passamos por um momento de nivelamento por baixo da cultura, com músicas, programas de tv e de rádio que apelam para baixarias na tentativa de ganhar audiência. Quais as implicações disso? Que reflexos essa pobreza cultural traz a nosso dia a dia? Que consequências as empresas estão sofrendo? Como devemos agir para escapar desse nivelamento e adotar uma postura inovadora?

Dinâmica, bem humorada, cheia de fatos e exemplos, Brasileiros Pocotó surpreende do começo ao fim, deixando uma mensagem poderosa sobre a necessidade de colocar-se acima da mediocridade.

Ganhe grátis o ebook “O Seu Everest”

Cadastre-se no site e receba doses periódicas de Iscas Intelectuais. E de quebra, receba o e-book  O SEU EVEREST com os principais pontos da palestra Meu Everest, de Luciano Pires.