Planejamento Antifrágil

Planejamento Antifrágil – Como aumentar as chances de acerto em cenários de grande incerteza.

Planejamos para nos tranquilizar com relação a um futuro incerto. E quanto mais detalhado o plano, mais tranquilos ficamos. Mas é uma tranquilidade falsa, afinal, tomamos decisões com base em previsões, a partir de experiências passadas, mesmo sabendo que a realidade pode ser completamente diferente.

Sempre que começamos algo novo, a única coisa garantida é a incerteza. Mas num mundo  que um dia foi volátil, incerto, complexo e ambíguo, e que agora é frágil, ansioso, não linear e incompreensível, nos vemos desafiados a planejar em meio ao caos.

Como fazer para reduzir a margem de erro e ter opções para aproveitar as oportunidades que certamente surgirão, mas não podem ser previstas?

Essa é a abordagem da palestra Planejamento Antifrágil, na qual Luciano Pires aborda certos conceitos anunciados por Nassin Nicolas Taleb em seus livros A lógica do Cisne Negro e Antifrágil.

Mas não é só isso. Luciano traz como pano de fundo algumas histórias dos aventureiros que tentaram desbravar os caminhos do Ártico, muitas vezes terminando em tragédias. O que terá dado errado nos planos deles?

 

Tópicos

O Polo Norte e a Expedição Franklin em busca da Passagem Norte em 1845

A lógica do Cisne Negro e a incerteza

Planejamento de Projetos e Planejamento Estratégico

Planejando no mundo VUCA – Volátil, incerto, complexo e ambíguo

Antifragilidade e Opcionalidade

A Expedição Andrées de 1987

Sobre assumir riscos

Um novo olhar para o Planejamento

 

Planejamento Antifrágil é essencial porque chega num momento único, pós-pandemia, repleto de incertezas sobre o futuro no curto prazo. Que dirá no longo.

Provocativa, bem-humorada e repleta de conceitos e recados impactantes, essa palestra serve para quem quer aumentar as chances de acerto em cenários de grande incerteza.

Acontabilidade 360

Accountability é “fazer o que você disse que faria, no prazo com o qual você concordou”.  Uma pessoa “accountable” é aquela que consegue contabilizar os resultados de suas ações. É uma pessoa que presta contas.

Bem, como não achei a palavra exata, eu inventei ACONTABILIDADE.

Acontabilidade não é baseada em circunstâncias, mas na atitude de atingir os objetivos apesar das circunstâncias. E num país como o Brasil onde a cada segundo surge um imprevisto que muda as circunstâncias e serve como desculpa para que as coisas não sejam feitas, quem consegue fazer acontecer apesar das circunstâncias, é quase um super homem.

Esta palestra traz os Sete Pilares da Acontabilidade: caráter, unidade, aprendizado, acompanhamento, urgência, reputação e evolução, mostrando como cada um é fundamental para a liderança eficaz.

Falta de acontabilidade é o principal problema enfrentado por quem exerce papel de liderança.

Esta palestra é dirigida a organizações que querem colaboradores acontabilizáveis que:

  1. Cumprem as promessas feitas.
  2. Levam em consideração as consequências de suas ações
  3. Assumem responsabilidade por suas falhas
  4. Corrigem as falhas

Quem é que não quer gente assim na equipe?

O Meu Everest

Como sair do sonho para o planejamento e para a execução, fazendo acontecer:

  • Fixando objetivos desafiadores
  • Planejamento, transformando sonhos em metas
  • Fazendo acontecer: conhecimento, criatividade, coragem e consequência
  • O trabalho em equipe em ambientes de crise profunda
  • As teorias administrativas observadas na prática
  • Os desafios como ferramentas para transformação

Baseada na experiência da viagem que Luciano Pires realizou ao Campo Base da maior montanha do mundo, o Everest, em 2001, esta palestra mescla a emoção da busca por um sonho impossível com técnicas de gerenciamento que utilizamos diariamente em nossas vidas e empresas.

Diferente dos aventureiros profissionais, que levam as questões do mundo da aventura para o mundo dos negócios, Luciano propõe o inverso: sendo um executivo comum, sem qualquer experiência com esportes de aventura e montanhismo, em poucos minutos promove a identificação da plateia com seus sonhos, desafios e momentos de sofrimento e deslumbre.

Hilariante, emocionante, reflexiva e, acima de tudo, real, esta história está repleta de fotos, gráficos, músicas e vídeos que ajudam a criar um clima lúdico onde as mensagens ganham impacto inesquecível.

Luciano leva consigo a plateia numa viagem de autoconhecimento e transformação.

Recomendação

Para motivar as pessoas à ação em busca de seus sonhos particulares ou em equipe e de certos objetivos que parecem inatingíveis.

Esta é a palestra mais requisitada de Luciano Pires, que emociona, inspira e transforma as pessoas.

Liderança Nutritiva

Liderar é mais que dar ordens

Ao longo de sua carreira você deve ter tido vários líderes, não é? Quantos você considera que foram especiais, aqueles que marcarão você por toda a vida? E o que os fez especiais, provocando em você a vontade de tê-los sempre por perto, enquanto outros líderes você queria ver bem longe?

Aqueles líderes tão especiais eram… nutritivos.

Esta palestra define “Liderança nutritiva” como a capacidade de inspirar e provocar as pessoas a fazer acontecer, transmitindo informalmente conhecimento e apoio psicológico e social, que são percebidos pelo receptor como relevantes para sua vida pessoal e profissional.

O líder nutritivo é mais que um chefe, mais que um comandante, mais que alguém capaz de coordenar pessoas. Ele ou ela é uma daquelas pessoas muito especiais que causaram profundo impacto positivo na vida de outras pessoas.

Comentário

Um líder pode obter excelentes resultados sendo um tirano, usando o medo como motivador, mas esse dificilmente será um líder nutritivo. Líderes nutritivos são mentores generosos, que iluminam o caminho de seus liderados, fazem com que as pessoas sintam-se bem, deixam a sensação de que ganhamos simplesmente por estar perto deles. O líder nutritivo está empenhado em transformar, para melhor, as pessoas que lidera. Por isso a liderança nutritiva, mais que um jeito de ser, é uma visão de mundo, uma postura de educador que está numa frase do escritor Rubem Alves: “O educador diz: ‘Veja!’. E ao falar, aponta. O aluno olha e vê o que nunca viu. O seu mundo se expande.”

Esta palestra divertida, reflexiva e provocativa, discutirá os atributos que diferenciam um líder nutritivo de um líder “comum”. E colocará uma pulguinha atrás da orelha de muita gente.

Liderança em tempos velozes e furiosos

Como desenvolver uma nova visão sobre negócios num mundo em transformação. Esta palestra aborda temas como:

  •  Uma introdução à globalização
  • As mudanças que o mundo sofreu nos últimos 20 anos
  • A “modernidade líquida”
  • A velha definição de “fábrica”
  • O perigo do foco na estabilidade
  • Os pilares do bom gerenciamento
  • As várias dimensões do lucro

O mundo passa por um período de mudanças aceleradas, que a tecnologia torna cada dia mais dramáticas. Temas como a globalização, conectividade e redes de relacionamento estão mudando dramaticamente a forma como fazemos negócios, e pouca gente percebeu a necessidade de mudar o jeito de ver os negócios. Continuamos focados na administração como se estivéssemos à frente de velhas fábricas que produzem um produto ou serviço; tem controle e medições; foco na redução de custos e alguém para nos dizer o que fazer. O novo mercado exige muito mais que controles, ameaças e burocracia. É hora de compreender um negócio como uma comunidade de indivíduos independentes que se agregam e integram ao decorrer dos projetos. Discutir a responsabilidade e a capacidade de cada um de agregar valor é onde residem as oportunidades.

O sociólogo polonês Zygmunt Bauman tentou explicar os tempos caóticos que vivemos, criando o que chamou de “modernidade líquida”. Para ele, o fim das utopias levou à inibição das reflexões sobre a sociedade, tendo como consequência a perda da noção de progresso como um bem a ser partilhado. Na sociedade líquida, tudo que importa é o prazer individual, imediato, efêmero, superficial e que leva rapidamente ao fastio e à busca por novos prazeres imediatos. Tudo aqui e agora.

Num cenário como esse, somos assombrados pela incerteza e insegurança dos que não têm mais referenciais para construir suas vidas, a não ser eles próprios.

Que nó, não?

Envolvendo conceitos de filosofia, marketing e comportamento, esta palestra reúne uma série de reflexões que questionam essa realidade vigente, esclarecendo conceitos como meritocracia e tocando fundo em temas importantes que são deixados de lado por exigirem mudanças de comportamento e atitudes.

Muito bem humorada, repleta de conceitos e com boa dose de provocação, LIDERANÇA EM TEMPOS VELOZES E FURIOSOS traz uma abordagem objetiva e criativa sobre a necessidade de repensar a forma como abordamos nossos negócios.

Liderança e Transformação no Serviço Público

A palestra Liderança e Transformação no Serviço Público foi montada seguindo dois eixos. O primeiro é uma reflexão sobre Liderança, o que é e que tipo de líder nos interessa, tendo como base o projeto LIDERANÇA NUTRITIVA de Luciano Pires, que foca nos atributos de liderança que não se aprendem na escola.

O Líder Nutritivo é aquele que tem a habilidade de inspirar e provocar as pessoas a fazer acontecer, a elas transmitindo, informal e eticamente, conhecimento e apoio moral, psicológico e social, que são percebidos pelo receptor como relevantes para sua vida pessoal e profissional.

Todo servidor público precisa ter consciência de seu papel de liderança no momento de fazer seus julgamentos e tomar as decisões.

O segundo eixo é o da MORAL E ÉTICA NO SERVIÇO PÚBLICO, uma reflexão sobre a aplicação prática dos conceitos de moral e ética que têm ficado restritos à filosofia e precisam ser trabalhados no dia a dia.

Comentário:

Num país que tem no serviço público a percepção de uma imensa engrenagem emperrada pela burocracia, povoada de pessoas acomodadas e com má vontade, é necessário um salto de qualidade no atendimento da população que é a razão da existência do serviço público. Essa é a proposição desta palestra, focada na responsabilidade individual das pessoas que representam as entidades perante o povo.

Muito bem humorada, repleta de exemplos do dia a dia, a palestra Liderança e Transformação no Serviço Público propõe uma grande reflexão sobre a responsabilidade do servidor no trato da coisa pública e seu papel como cidadão que trabalha ativamente para o desenvolvimento da sociedade.

A Fórmula da Inovação

Como entender e implementar uma Cultura da Inovação:

  • Entendendo inovação
  • Uma fórmula matemática que ajuda na organização dos processos inovadores
  • Percebendo a inconveniência atual
  • Entendo o valor da mudança
  • Vencendo a percepção de risco
  • Celebrando o sucesso

No mercado competitivo que hoje enfrentamos, jogar pelas regras é ser invisível. É necessário inovar, mas poucas pessoas sabem o real significado dessa palavra. Esta palestra discute as dimensões da inovação fora dos produtos e processos tradicionais. Luciano está interessado na inovação que o dinheiro não pode comprar, aquela que diz respeito à visão de mundo do indivíduo. Sem visão para inovação, não adianta máquinas e softwares novos.

Luciano traz uma fórmula simples e objetiva que serve como um roteiro para quem decidir fazer da inovação uma atitude consciente e sistemática.

Envolvendo conceitos de marketing, branding e comportamento, esta palestra tem foco nas atividades intangíveis que hoje representam a única possibilidade de se obter um diferencial estratégico.

Muito bem humorada, repleta de conceitos e com boa dose de provocação, A FÓRMULA DA INOVAÇÃO traz uma abordagem objetiva e criativa sobre a inovação na vida e nos negócios.

Ganhe grátis o ebook “O Seu Everest”

Cadastre-se no site e receba doses periódicas de Iscas Intelectuais. E de quebra, receba o e-book  O SEU EVEREST com os principais pontos da palestra Meu Everest, de Luciano Pires.